Revista Viva Saúde  
alguns ciencia comer dicas dor editorial existe nutrição saude tratamento
 
 
Edição 119 | EXPEDIENTE
Notícias / Home

  Hemorroidas são fáceis de tratar

Ao contrário do que muita gente pensa, é possível conviver bem com ela

Por Priscila Moreira 

Muitas pessoas convivem com ela, mas por vergonha, poucas procuram ajuda médica. A doença consiste na dilatação das veias da região ano-retal. "É uma espécie de varizes que causa dor e incômodo", diz o coloproctologista, João Gomes Netinho.

Embora não se saiba a causa, sabe-se que ela pode aparecer devido a fatores como gravidez, esforço acentuado para evacuar, constipação intestinal, diarreia ou até mesmo em pessoas que passam muito tempo sentadas. Mas, para que a doença se manifeste é preciso que o paciente tenha uma pré-disposição, e isso pode variar de pessoa para pessoa. 

Segundo o coloproctologista, a hemorroida pode se manifestar de duas formas: internamente e externamente. No primeiro caso, pode não haver sintomas, porém, quando há, os sinais mais comuns são sangramento ao evacuar e exteriorização da pele.  Já as externas são divididas por graus. Nas hemorroidas de 2º e 3º graus há saliências de pele palpáveis e em algumas vezes irritação e coceira no ânus, enquanto nas de 4º grau a pele se exterioriza e volta a sua posição normal, o que causa muita dor e incômodo. 

Para um diagnóstico correto, é preciso procurar auxílio de um especialista, que através do exame proctológico irá diagnosticar qual é o nível da doença. "Fazemos um exame por meio de inspeção anal, toque retal, seguido pela anuscopia (exame que avalia problemas do canal). Estes três passos devem ser realizados para que o diagnóstico seja preciso e o tratamento adequado", explica o médico.

Prevenção

Para que os sintomas não se agravem, é preciso ter bons hábitos intestinais. Uma dieta rica em fibras e líquidos ajuda a diminuir o agravamento da doença. Ao defecar, é importante que se faça uma limpeza correta na região, usando água ao invés de papel higiênico e evitando o consumo excessivo de condimentos, principalmente pimenta. No entanto, Netinho explica que, apesar de esses hábitos agravarem a doença, não são os agentes causadores.

 

Tratamento

 

No caso de hemorroida interna sem sintomas, nada deve ser feito. Mas, se sangrar, além de corrigir os hábitos alimentares, pode ser indicada a ligadura elástica dos mamilos hemorroidários de tal modo que a hemorroida irá "cair" alguns dias sem que o paciente perceba.

 

Alguns medicamentos flebotrópicos (indicados para diminuir os sintomas de hemorroida) e pomadas antiinflamatórias e analgésicas também podem ser úteis. Já nas internas de 2º e 3º grau, é recomendada a ligadura elástica. Para as de 4º grau, que são as mistas, é indicado o tratamento cirúrgico com um aparelho chamado PPH (Procedimento para Prolapso e Hemorroidas), que corrige a alteração anatômica da região (anopexia) e é realizada no centro cirúrgico sob anestesia.





 
Viva Saúde :: 21/02/13
Chás que você deveria tomar todos os dias
 
Viva Saúde :: 20/02/13
Bye, bye, alface
 
Viva Saúde :: 20/02/13
O desafio do autismo
 

 
Viva Saúde :: Clínica Geral :: ed 79 - 2009
25 exames que seu médico deveria pedir


Viva Saúde :: Nutrição :: ed 70 - 2009
9 formas eficazes de acelerar o metabolismo


Viva Saúde :: Nutrição :: ed 78 - 2009
Alimentos que fazem a tireoide trabalhar mais (e você perder peso)


 










As novidades da Viva Saúde em primeira mão!





 


Faça já a sua assinatura!

Corpo a Corpo

A revista completa de beleza

Assine por 1 ano
10x de R$ 9,48
Assine!
Outras ofertas!

Dieta Já!
Conquiste o corpo que semprequis.

Assine por 1 ano
9x de R$ 9,20
Assine!
Outras ofertas!

Molde & Cia

Exclusiva como você.

Assine por 1 ano
11x de R$ 9,27
Assine!
Outras ofertas!

Viva Saúde

Pra viver mais e melhor

Assine por 1 ano
10x de R$ 9,48
Assine!
Outras ofertas!
 

Bye, bye, alface
Consumir salada no dia a dia é difícil? A dica é estimular seu paladar com diferentes tipos de folhas e molhos

As mentiras que as mulheres contam (aos médicos)
"Conte-me tudo, não me esconda nada". Essa é a súplica dos profissionais da saúde às pacientes



clínica geral
nutrição
família
viver bem
guia
nesta edição

  ContentStuff - Sistema de Gerenciamento de Conteúdo - CMS