Revista Viva Saúde  
alguns ciencia comer dicas dor editorial existe nutrição saude tratamento
 
 
Edição 119 | EXPEDIENTE
Viver Bem / Home

  Muita informação para a sua cabeça
Querer saber tudo o que acontece em tempo real gera ansiedade, afeta a saúde e a qualidade de vida. Aprenda a ser mais seletivo para evitar o estresse e conviver melhor com as novas tecnologias

Por Fabiana Fontainha
Foto: Shutterstock

Você está sempre conectado? Lê imediatamente todos os e-mails que chegam na sua caixa postal? Mesmo assim, tem a sensação de que precisa estar mais atualizado? Saiba que esses são alguns sinais de quem sofre de ansiedade de informação, um tipo de transtorno que vem se tornando cada vez mais comum na sociedade moderna. Para se ter uma ideia do potencial do problema, hoje produzimos milhares de vezes mais informações em um ano do que todas as gerações que nos antecederam e, provavelmente, você recebe em um mês mais informação do que o seu tataravô teve acesso durante toda a vida.

A designer Natalia Zapella, 27 anos, possui características de quem sofre com isso. Ela trabalha em casa e fica on-line 24 horas por dia, não desliga o computador nem na hora de dormir. "Tenho um sistema que avisa quando chegam e-mails. Vejo do que se trata e, se for importante, respondo na hora. Caso contrário, tento manter a concentração na outra coisa que estou fazendo", conta Natalia.

Ela relata que, ao acordar, ainda na cama e antes de tomar café da manhã, olha os e-mails que recebeu pelo telefone. "Vejo se tenho de levantar ou se posso dormir mais", diz. Para se distrair, na pausa entre um trabalho e outro, Natalia lê quatro ou cinco portais de notícias, além de se atualizar sobre o que os amigos postam nas redes sociais, especialmente no Facebook.

A jovem diz que recebe centenas de mensagens por dia. "Às vezes me sinto atrapalhada com tanta informação e tenho de parar para entender uma coisa de cada vez. Tento criar um processo para responder os e-mails porque se fico olhando penso em tudo o que tenho para fazer."

Provavelmente, você recebe em um mês mais informação do que o seu tataravô teve acesso durante toda a vida

Informar e compreender
Assim como Natalia, muitas pessoas podem estar vivendo o que se convencionou chamar ansiedade de informação. O termo é novo. Foi criado há cerca de 10 anos pelo designer e arquiteto norte-americano Richard Saul Wurman, autor do livro Ansiedade da informação: como transformar informação em compreensão (Ed. Cultura).

Aprenda a identificar as "doenças" da era digital

CYBERCONDRÍACOS
São aquelas pessoas reconhecidas como hipocondríacas que pesquisam o tempo todo sobre doenças na internet e começam a acreditar que estão doentes.

DATAHOLICS
São os fissurados por informação, que precisam checar o mesmo dado em diversas fontes para estarem seguros. Mas sentem-se ansiosos por não preencherem essa busca desenfreada por informação.

BULIMIA INFORMACIONAL
É a necessidade compulsiva de coletar informações em grande quantidade, sem critério, seleção ou preocupação com a qualidade e confiabilidade dos dados.

OBESIDADE INFORMACIONAL
Pode ser uma consequência da bulimia informacional e ocorre quando se tem excesso de informações desnecessárias e irrelevantes que, quando acumuladas, prejudicam o aprendizado que poderia ser útil.


Para ele, esse transtorno é causado pela avalanche de informações que recebemos todos os dias sem sermos capazes de entendê-las ou selecioná-las. "A ansiedade de informação é a lacuna entre o que você acha que deveria saber e aquilo que você realmente é capaz de compreender", explica Wurman.

Os sintomas mais comuns são frustração por não conseguir manter-se atualizado, saber pouco ou com atraso; necessidade de checar a mesma coisa em diversas fontes


PÁGINAS :: 1 | 2 | Próxima >>



 
Viva Saúde :: 19/02/13
Saia da rotina e turbine a memória
 
Viva Saúde :: 21/02/13
Chás que você deveria tomar todos os dias
 
Viva Saúde :: 20/02/13
Bye, bye, alface
 

 
Viva Saúde :: Clínica Geral :: ed 79 - 2009
25 exames que seu médico deveria pedir


Viva Saúde :: Nutrição :: ed 70 - 2009
9 formas eficazes de acelerar o metabolismo


Viva Saúde :: Nutrição :: ed 78 - 2009
Alimentos que fazem a tireoide trabalhar mais (e você perder peso)


 










As novidades da Viva Saúde em primeira mão!





 


Faça já a sua assinatura!

Corpo a Corpo

A revista completa de beleza

Assine por 1 ano
10x de R$ 9,48
Assine!
Outras ofertas!

Dieta Já!
Conquiste o corpo que semprequis.

Assine por 1 ano
9x de R$ 9,20
Assine!
Outras ofertas!

Molde & Cia

Exclusiva como você.

Assine por 1 ano
11x de R$ 9,27
Assine!
Outras ofertas!

Viva Saúde

Pra viver mais e melhor

Assine por 1 ano
10x de R$ 9,48
Assine!
Outras ofertas!
 

Bye, bye, alface
Consumir salada no dia a dia é difícil? A dica é estimular seu paladar com diferentes tipos de folhas e molhos

As mentiras que as mulheres contam (aos médicos)
"Conte-me tudo, não me esconda nada". Essa é a súplica dos profissionais da saúde às pacientes



clínica geral
nutrição
família
viver bem
guia
nesta edição

  ContentStuff - Sistema de Gerenciamento de Conteúdo - CMS