Super Banner

Benefícios do salsão o ano inteiro

Publicado em 07 de Jun de 2013 por Leticia Maciel | Comente!

Todo final de ano o salsão ganha destaque nos pratos festivos. Conheça os benefícios desse vegetal cheio de sabor e nutrientes e aprenda a consumir o ano inteiro



Texto: Ivonete Lucirio/ Foto: Danilo Tanaka/ Adptação: Letícia Maciel

O salsão fortalece o sistema imunológico e pode ser consumido em vários tipos de receita o
ano inteiro
Foto: Danilo Tanaka

Na feira ou no supermercado, ele é um galã, com seu talo grosso e suculento, terminado por uma cabeleira de folhas. Mas não pense que ele é só uma carinha bonita. Por trás dessa atraente composição estética do mundo vegetal há muitas qualidades nutricionais. Presente em vários pratos que enchem a mesa no final do ano, o salsão, também chamado de aipo, é rico em vitaminas — principalmente a K e a C — e em minerais, como magnésio. “Tem ainda uma quantidade enorme de fibras, o dobro daquelas presentes na alface, por exemplo”, diz a nutricionista Inty Davidson (SP). E o melhor de tudo: é magrinho, magrinho. Cada 100 g fornece apenas 20 calorias. O cheiro forte e peculiar da planta é resultado de óleos essenciais formados por várias substâncias como limoneno (a mesma da casca do limão) e o flavonoide apigenina. É exatamente esse flavonoide um dos principais ingredientes que faz com que a planta seja mais que um simples gostinho bom no prato.

Um estudo da Universidade de Missouri, nos Estados Unidos, divulgado em maio, mostrou que o salsão pode ajudar a proteger contra o câncer. Quando o tumor está em desenvolvimento, uma rede de vasos sanguíneos forma-se a seu redor para alimentá-lo. A apigenina presente no salsão bloqueia a formação deles, atrapalhando a formação do tumor. Outro composto do salsão, a luteolina, também traz benefícios para a saúde, como comprovou outro estudo, dessa vez realizado pela Universidade de Illinois e publicado no ano passado no Journal of Nutrition. Essa substância reduz a inflamação que aparece com o tempo no cérebro dos idosos e leva a déficits de memória, problemas de sono e perda de apetite. Melhora, assim, o funcionamento cerebral e o bem-estar como um todo. Além dos benefícios do vegetal para a saúde comprovados em laboratório, há aqueles já consagrados pelo uso. “Ele pode ser utilizado na forma de infusão ou suco concentrado como expectorante, anti-inflamatório e, no uso tópico, para reduzir edemas”, diz a nutricionista Roseli Rossi, da Clínica Equilíbrio Nutricional (SP). “Há também xaropes populares que usam a semente do salsão para aliviar a artrite reumatoide e a gota”, diz.

Saiba consumi-lo

O uso mais conhecido é o do talo, que pode ser ralado ou cortado em tiras para compor receitas de saladas, salpicão, tortas, quiches, assados com peixe, frango e carnes. “As folhas também vão muito bem como temperos de salada ou em caldos e sopas”, diz a nutricionista Roseli Rossi, da Clínica Equilíbrio Nutricional (SP). Seu gosto é praticamente o mesmo do talo, mas menos acentuado. São mais ricas em vitamina A, enquanto o talo tem mais vitamina C. Já os benefícios culinários da semente da planta foram descobertos há pouco tempo. São minúsculas, de cor castanho esverdeado, com listinhas mais claras. Têm um cheiro forte e são levemente amargas. Podem ser adicionadas nas massas para pães, saladas ou espalhadas sobre vegetais cozidos.

Para comer o ano inteiro

Além de incrementar seus pratos, o salsão também traz vantagens para o seu corpo. A nutricionista Roseli Rossi enumera seus benefícios:
● É capaz de diminuir a pressão arterial devido à grande concentração de potássio.
● Fortalecimento do sistema imunológico em razão do ao alto teor de vitamina C.
● Redução da produção de radicais livres também por causa da vitamina C, da cumarina e o limoneno.
● Ação diurética.
● Ação tônica pela presença de vitaminas e minerais.
● Anticancerígeno e anti-inflamatório graças à apigenina.
● Fortalecimento do sistema neurológico pela presença das vitaminas do complexo B.
● Fortalecimento da massa muscular e óssea, já que tem em sua composição cálcio, potássio e fósforo.
● Proteção da pele graças à vitamina A.
● Diminui a acidez metabólica.
● Previne a gota.
● Previne a formação de cálculo renal graças ao potássio.
● Reduz a artrite por meio de substâncias como o limoneno e a cumarina.
● Diminui o colesterol por causa das fi bras.
● Melhora o apetite.

 

Revista VivaSaúde Edição 104



COMENTE!