assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Alimentação saudável: entenda a necessidade do consumo de fibras na dieta

Publicado em 05 de Jan de 2016 por Kelly Miyazato | Comente!

Quer manter uma alimentação saudável? Então, entenda já a necessidade do consumo de fibras na dieta



Alimentação saudável: entenda a necessidade do consumo
de fibras na dieta

Fibras na dieta

Ela está presente no arroz, no feijão, em verduras e em legumes. Mas, quando a ingestão é pouca, seu organismo reclama. Entenda como:

  • Câncer de cólon

Pesquisadores de Londres analisaram 25 estudos sobre a relação da ingestão de fibra e do câncer de cólon. Ao avaliar em 2 milhões de voluntários foi constatado que a cada 10 g de fibras insolúveis há uma queda de 10% na probabilidade de desenvolver esse tipo de câncer. A explicação seria que a fibra absorve ácidos que seriam os formadores do tumor.

  • Alteração no colesterol

A ação das fibras, nesse caso, está ligada tanto ao funcionamento do intestino quanto ao do sangue. O nutriente solúvel (aveia, casca de frutas) contribui para a formação de géis que alteram a absorção e controlam os níveis séricos de colesterol no intestino. Já as insolúveis (verduras, grãos integrais) têm relação com os sais biliares e reduzem a formação de parte da gordura.

  • Excesso de peso

Se falta fibra na dieta, você tende a comer mais e a sentir o estômago roncar logo após uma refeição. Isso porque ela é a responsável pela sensação de saciedade. Ao ingerir alimentos ricos do nutriente o organismo leva mais tempo para processá-lo, retarda o esvaziamento gástrico e prolonga a satisfação. O ideal é consumir de 20 g a 30 g do nutriente por dia.

  • Diabetes descontrolado

A fibra solúvel (feijão, cascas de frutas etc.) regula o açúcar do sangue. A sua ingestão evita os picos de glicose e os picos de insulina não acontecem. Estudos com pessoas que consumiam o nutriente apontam um risco 27% menor de desenvolver diabetes tipo 2.

  • Risco cardíaco

Uma pessoa com a dieta pobre em fibras têm níveis mais elevados de proteína C reativa (PCR). Essa proteína aumenta o risco de doença cardíaca e acidente vascular cerebral (AVC).

  • Sinais de constipação

Se evacuou menos de três vezes nas últimas duas semanas, teve dificuldade e sensação de evacuação incompleta, reforce a ingestão delas. As insolúveis aumentam o volume fecal e estimulam o órgão a realizar movimentos. Já as solúveis captam água e levam ao crescimento de bactérias boas.

 

* Por Priscila Pegatin | Fonte: Gabriela Martinez da Costa, nutricionista | Ilustração: Shutterstock | Adaptação: Kelly Miyazzato.

 

 

Revista VivaSaúde | Ed. 151

 

 

 

 

 

 

 

 

 



COMENTE!