assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Cardiomiopatia de Takotsubo: entenda mais sobre a síndrome do coração partido

Publicado em 30 de Dec de 2016 por Kelly Miyazato | Comente!

Você sabia que há uma patologia que acomete mulheres, em média acima dos 67 anos? A chamada cardiomiopatia de Takotsubo, conhecida popularmente como síndrome do coração partido, que é relacionada com o infarto, devido aos sintomas iniciais, que são parecidos. Fique por dentro!



 

Cardiomiopatia de Takotsubo: entenda mais sobre a síndrome do coração partido

A cardiomiopatia de Takotsubo, conhecida popularmente como a síndrome do coração partido, foi descrita pela primeira vez no Japão, na década de 1990. Ela acomete mulheres, em média acima dos 67 anos. Sua relação com o infarto se dá pelos sintomas iniciais, que são parecidos. “Dor no peito, falta de ar e alteração no eletrocardiograma”, pontua Fernando Morita, cardiologista do Hospital Israelita Albert Einstein (SP). Porém ao realizar o cateterismo, indicado nos casos de infarto, é descartada a patologia. “O coração contrai de uma forma diferente, mas não há obstrução, como no infarto”, explica. “O desenvolvimento da síndrome existe após estresse físico ou emocional, principalmente após a menopausa.” A medicação facilita a contração do órgão, que em 95% dos casos é reversível. O tratamento pode ter acompanhamento psicológico e entre quatro a oito semanas o coração se regenera.

 

*Por Priscila Pegatin / Foto Shutterstock / Adaptação Kelly Miyazzato.

 

Revista VivaSaúde / Edição 143

Assine já e garanta 6 meses grátis de outro título

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



COMENTE!