assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Dicas para cuidar de pets hipertensos

Publicado em 29 de Mar de 2017 por Kelly Miyazato | Comente!

Você sabia que o problema de pressão arterial elevada do animal está associado a alguma enfermidade? Não? Então, aposte nas dicas para cuidar de pets hipertensos



 

Veja as dicas para cuidar de pets hipertensos

A pressão arterial de seu pet deve ser controlada. “Ao contrário do que acontece com as pessoas, cães e gatos raramente sofrem de hipertensão primária (sem vinculação com outras doenças). Em geral o problema está associado a alguma enfermidade”, diz Marcelo Quinzani, médico veterinário e diretor clínico do Hospital Pet Care (SP). As causas mais comuns são as insuficiências renal e cardíaca, o hipertireoidismo e a obesidade, menos comum. Para evitar, o dono deve fazer o controle de peso do animal, o manejo de dieta, fazê-lo desempenhar atividade física regular e ter cuidados com as doenças citadas.

Quinzani conta que a prevenção pode ser feita com visitas regulares ao médico e medição periódica da pressão arterial, principalmente para pets com mais de cinco anos de idade. Caso essa atitude tenha falhado, feito o diagnóstico, é necessário identificar as possíveis doenças presentes para iniciar o tratamento. Este inclui dieta para controle de peso e uso de medicamentos. Uma vez sabido que é hipertensão, o animal passa a ser monitorado por toda a vida: essas doenças tendem a ser progressivas e requerem controle rigoroso.

 

*Por Letícia Ronche | Foto Shutterstock | Adaptação Kelly Miyazzato.

 

Revista VivaSaúde | Ed. 146

Assine já e garanta 6 meses grátis de outro título

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



COMENTE!