assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Infecção urinária: necessidade de repetir exames

Publicado em 15 de Sep de 2014 por Clara Ribeiro | Comente!

Especialista explica quando é necessário repetir exames de urina e cultura após tratamento contra infecções de urina



Texto: Marco A. Janaudis, secretário geral da Sociedade Brasileira de Medicina de Família / Foto: Shutterstock / Adaptação: Clara Ribeiro

Há alguns fatores determinantes para a realização de exames pela segunda vez. 

Saiba quais são

Foto: Shutterstock

Frequentemente me perguntam a respeito da necessidade de, após uma pessoa tratar uma infecção urinária, se repetir o exame de urina e a cultura para saber se o tratamento foi eficaz. E também não raro percebo frustração e até mesmo angústia quando digo que em determinadas situações, não há necessidade de se repetir os exames.

O que nós médicos levamos em consideração para decidir? Por exemplo, fatores como a idade, o sexo e o quadro clínico do paciente. Portanto, costumamos dizer que temos de “tratar a pessoa, e não apenas os exames.” Existe ainda uma condição chamada de Bacteriúria assintomática que é a presença de bactérias em amostra de urina colhida corretamente em pessoas sem manifestações clínicas de infecção urinária.

Veja mais sobre infecção de urina:

Ou seja, a bactéria está lá, mas está “quieta”, sem causar infecção. Portanto, não se preocupe tanto com a solicitação ou repetição do exame de urina por parte do seu médico, mas sim, se após um tratamento de infecção urinária, você ou seu familiar estão bem e sem sintomas.

Revista VivaSaúde - Edição 137



COMENTE!