assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Saiba escolher o remédio certo para cada dor

Publicado em 04 de Nov de 2013 por Leticia Maciel | Comente!

Medicamentos vendidos sem receita podem ser eficazes para tratar dores de cabeça e indigestão. No entanto, o uso deles deve ser feito com critério. Saiba como tirar proveito sem colocar a saúde em risco.


  • COMBATER OS SINTOMAS DA GRIPE

    Princípios ativos: paracetamol, cloridrato de fenilefedrina e maleato de carbinoxamina.

    Como age: decongestionante nasal, analgésico e antitérmico.

    Cuidados: ao sinal de náuseas, dor e palpitação pare o tratamento.

    Contraindicações: não é recomendado na gravidez em pacientes com glaucoma.

  • ACABAR COM A DOR DE CABEÇA

    Princípios ativos: ácido acetilsalicílico, cafeína, cloridrato de isometepteno e dipirona.

    Como o remédio age: bloqueia a liberação de substâncias químicas que causam dor.

    Cuidados: em caso de azia, náusea e diarréia.

    Contraindicações: gestantes e crianças .menores de um ano, além de pacientes com hipersensibilidade a componentes da fórmula

  • ALIVIAR AZIA, MÁ DIGESTÃO, NÁUSEAS E VÔMITOS

    Princípios ativos : metionina, colina e betaína.

    Como o remédio age: auxilia na remoção da gordura do fígado, melhorando a digestão.

    Cuidados: as pessoas podem sentir coceira ou mesmo uma dor de cabeça leve após o uso.

    Contraindicações: pacientes com hipersensibilidade.

  • TRATAR A DOR MUSCULAR

    Princípios ativos: citrato de orfenadrina, dipirona sódica e cafeína.

    Como o remédio age: alivia a dor e possui ação relaxante sobre o músculo.
    Cuidados: doses elevadas podem provocar alterações no ritmo cardíaco, retenção urinária, visão borrada, dilatação da pupila e aumento da pressão intraocular.

    Contraindicações: gestantes, crianças menores de 12 anos, portadores de doenças metabólicas, asma e glaucoma não devem utilizá-lo.

  • ABAIXAR A FEBRE

    Princípios ativos: dipirona ou paracetamol.

    Como o remédio age: atua no sistema nervoso central, mais especificamente no centro regulador da temperatura.

    Cuidados: não deve ser usado por mais do que três dias para baixar a febre.

    Contraindicações: pessoas com hipersensibilidade aos componentes presentes na fórmula do remédio.

  • AMENIZAR NERVOSISMO, ANSIEDADE E INSÔNIA

    Princípios ativos: Passiflora incarnata L., Crataegus oxyacantha L., Salix alba L., Passifl ora alata, Crataegus oxyacantha e Erythrina mulungu.

    Como o remédio age: alivia quadros de ansiedade.

    Cuidados: deve ser parado ao sinal de aceleração dos batimentos cardíacos, enjoo e tontura.

    Contraindicações: pessoas com hipersensibilidade, úlceras, problemas de coagulação e hemorragias


  • TRATAR INFLAMAÇÕES E DORES DIVERSAS

    Princípios ativos: ibuprofeno ou diclofenaco potássico.

    Como o remédio age: alivia febre, dores leves e moderadas.

    Cuidados: quem já possui problemas de úlceras e gastrites, doenças graves de rim, fígado e coração deve consultar o médico antes de usar.

    Contraindicações: pessoas com hipersensibilidade aos compostos da fórmula, para portadores de síndrome de pólipo nasal e angioedema, asma, urticária ou rinite aguda. O medicamento também pode interagir com remédios à base de ácido acetilsalicílico e paracetamol.




  • TRATAR BATIDAS E CONTUSÕES

    Princípios ativos: salicilato de metila, cânfora, mentol e terebintina.

    Como o remédio age: dilata os vasos sanguíneos, provoca efeito analgésico e leve anestesia local.

    Cuidados: irritação local em pessoas sensíveis a algum componente.

    Contraindicações: crianças menores de um ano .

  • AMENIZAR CÓLICAS MENSTRUAIS OU DE PRISÃO DE VENTRE

    Princípios ativos: dipirona sódica, brometo de N- butilescopolamina, dimeticona.

    Como o remédio age: tem ação analgésica e antiespasmódica, aliviando a dor.

    Cuidados: o uso deve ser interrompido ao notar manifestações alérgicas na pele, como coceira.

    Contraindicações: pessoas com hipersensibilidade a algum composto da fórmula. Gestantes até três meses, e, mesmo depois desse período, elas ainda necessitam acompanhamento médico.

  • AJUDAR A CONTROLAR A ACNE

    Princípios ativos: água purificada, decil poliglucose e éter polioxipropileno de metil glucose.

    Como o remédio age: em forma de sabonete para o rosto, limpa a
    pele profundamente, removendo a oleosidade e auxiliando na desobstrução dos poros.

    Cuidados: até o momento, não foram relatadas quaisquer reações adversas ao produto.

    Contraindicações: não há.

Texto: Rita Trevisan, Louise Vernier/ Fotos: Danilo Tanaka/ Adaptação: Letícia Maciel



COMENTE!