assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Risco de surtos de sarampo e rubéola na Europa é um alerta para atualizar a caderneta de vacinação

Publicado em 04 de Oct de 2017 por Kelly Miyazato | Comente!

Com a globalização, o risco de surtos de sarampo e rubéola na Europa volta a preocupar o Governo Brasileiro. Por isso, fique atento e vá até uma unidade de saúde para atualizar a caderneta de vacinação



 

Saiba porquê o risco de surtos de sarampo e rubéola na Europa é um alerta
para atualizar a caderneta de vacinação

Você sabia que países como França, Itália, Alemanha, Bélgica, Bósnia, Geórgia, Cazaquistão, Romênia, Sérvia, Dinamarca Ucrânia estariam sob risco de surtos de sarampo e/ou rubéola? Segundo informações divulgadas pelo Ministério da Saúde estas enfermidades são consideradas endêmicas em vários países da Europa e, embora já tenham sido eliminadas há anos em nosso território nacional, causa preocupação ao Governo Brasileiro.

Para se prevenir, vá até a unidade de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS) para atualizar a caderneta de vacinação. Pessoas de 12 meses a 29 anos de idade devem receber a primeira dose aos 12 meses de idade da tríplice viral e aos 15 (quinze) meses, uma dose da vacina tetraviral (sarampo, caxumba, rubéola e varíola), que corresponde à segunda dose da vacina tríplice viral e uma dose da vacina varicela. Caso haja atraso na vacinação, crianças até quatro anos de idade ainda poderão receber a vacina com o componente varicela. A partir de cinco até os 29 anos de idade, deverão ser administradas duas doses com a vacina tríplice viral. Pessoas de 30 a 49 aos de idade devem receber uma dose da vacina tríplice viral.

 

*Para saber mais, acesse: http://bit.ly/2fIrZme.

 

*Por Kelly Miyazzato | Foto Shutterstock | Fonte Ministério da Saúde.

 

 

 

 

 

 

 



COMENTE!