assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

Próteses e injeções para disfunção erétil

Publicado em 31 de Jan de 2018 por Isis Fonseca | Comente!

Quer melhorar o bem-estar sexual masculino? Conheça algumas soluções para quem sofre de disfunção erétil



Segundo estudo ProSex do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (IPq-FMUSP), 45% dos homens têm algum grau de disfunção erétil.

As próteses e injeções podem ajudar a melhorar o bem-estar masculino, mas, atenção: esses procedimentos só são indicados pela Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) quando o grau de disfunção erétil é considerado grave. Consulte seu médico antes de buscar esses procedimentos.

Veja abaixo como funcionam as próteses e injeções para disfunção erétil:

Implante Semirrígido

Nesse caso, a estrutura permanece rígida, mas pode ser dobrada para urinar, por exemplo.

Implante Semirrígido

Injeção Peniana para disfunção erétil

Medicamentos são aplicados no pênis por uma injeção 15 minutos antes do ato sexual. A substância vai direto aos corpos cavernosos (responsáveis pela ereção) e leva à dilatação das artérias penianas com consequente entrada de sangue no pênis, levando à ereção.

Injeção Peniana para disfunção erétil

 

Saiba mais sobre próteses e injeções para disfunção erétil garantindo a sua Revista VivaSaúde Ed. 175!

 

Leia mais sobre a saúde masculina:

O câncer pode afetar a fertlidade masculina?

Tamanho do pênis é mesmo importante?

 

*Por Letícia Ronche | Edição Cristina Almeida | Fontes Eduardo Berna Bertero, Luiz Otávio Torres, André Guilherme Cavalcante, Urologistas membros da SBU | Ilustração Sueli Mendes | Foto Shutterstock | Adaptação Isis Fonseca.

 

Garanta sua Revista VivaSaúde Ed. 176

Assine já e garanta 6 meses grátis de outro título

 

 

 

 

 

 

 

 



COMENTE!