assine

Newsletter

Receba as novidades, cadastre-se

O que é a Síndrome de Guillain-Barré?

Publicado em 06 de Mar de 2017 por Kelly Miyazato | Comente!

Descubra já quais são os sinais e as possíveis causas apresentadas pela Síndrome de Guillain-Barré e fique atento!



 

Entenda mais sobre a Síndrome de Guillain-Barré

Você já ouviu falar sobre a Síndrome de Guillain-Barré? A doença autoimune acomete os nervos periféricos, causa além de inflamação, paralisia flácida de forma aguda ou subaguda, que inicia nos membros inferiores, mas pode comprometer os membros superiores e musculatura respiratória, como explica Renata Coutinho, infectologista do Hospital Rios D’Or.

Renata comenta: “Antes mesmo do início dos sintomas da Guillain-Barré é comum que o paciente tenha apresentado outras doenças, nas quais podem ser causadas por infecções virais (em torno de 60 a 70% dos casos). Embora, fatores como procedimentos cirúrgicos, imunização ou a gestação, também podem anteceder a Guillain-Barré”.

“Os primeiros sinais comumente percebidos são dormência nas extremidades distais dos membros inferiores e, em seguida, superiores. Mas, vale ressaltar que a doença progride de um modo geral no período de 2 a 4 semanas e a sensação de fraqueza é notada de maneira gradativa”, acrescenta.

Renata afirma que embora não haja a cura definitiva da Síndrome de Guillain-Barré, o tratamento das possíveis complicações, assim como a aceleração da recuperação pode ocorrer da seguinte forma: “Logo após a confirmação ou suspeita do diagnóstico, a observação rigorosa por meio de internação é necessária e, de acordo com os níveis de evolução e gravidade dos sintomas, a infusão de imunoglobulina humana (anticorpos) pode ser uma das saídas consideradas para realizar o tratamento”, conclui.

 

*Por Kelly Miyazzato | Foto Shutterstock | Agradecimentos à Renata Coutinho, infectologista do Hospital Rios D’Or.

 

 

 

 

 

 

 



COMENTE!