Super Banner

Fique atento ao torcer o pé

Publicado em 26 de May de 2013 por Ana Paula Ferreira | Comente!

Se você virou o pé, preste atenção se ele apresenta dor, inchaço e está imóvel. Saiba o que fazer ao sofrer a torção



Texto: Nathalie Ayres / Ilustração: Revista VivaSaúde / Adaptação: Ana Paula Ferreira

Não deixe de ir ao médico se torcer o pé. Deixar a lesão sarar sozinha pode aumentar as

chances de torções por repetição.

Se você torceu o pé, preste atenção se ele apresenta dor, inchaço e está imóvel. Em caso positivo, sim, você sofreu uma entorse, a mais comum das lesões ortopédicas. Ela ocorre nos ligamentos, e pode ser leve, quando só as proteínas que os constituem se desarranjam; moderada, quando parte deles se solta; ou grave, se eles se romperem totalmente.

Veja abaixo o que fazer se você torcer o pé:

  • Caso você torça o tornozelo, evite levar o pé ao chão. Você deve colocar gelo na região para amenizar os sintomas
  • Vá direto ao médico, para que seja avaliada a gravidade da situação. É isso o que vai determinar quanto tempo você vai ficar imobilizado. Na maioria dos casos, são quatro semanas
  • Se na região aparecer um hematoma, pode ser sinal de fratura. Nesse caso, redobre os cuidados
  • Nunca deixe de ir ao médico após a torção. Deixar a lesão sarar sozinha pode aumentar as chances de torções por repetição.

Meu pé não para de virar!

Se você vive caindo por aí, a culpa pode estar mesmo nos seus pés, e não no chão. Os responsáveis podem ser o mal-preparo físico – que prejudica o equilíbrio – o uso de calçados inadequados ou mesmo a frouxidão do ligamento, que pode ocorrer por herança genética. Normalmente, esportistas são mais suscetíveis a sofrer um entorse. Mas isso não quer dizer que quem não faz exercício esteja imune à lesão.

Revista VivaSaúde edição 101



COMENTE!