Viva Saúde
Edição 37 - Janeiro/2007
 
Sumário da Edição
Edições Anteriores
Editorial
Sala de Espera
Consultório Médico
Aconteceu Comigo
Raio x
Leveza à Mesa
Atividade física
Saúde Natural
Mundo Infantil
Olho Clínico
Mais Vitalidade
Onde Encontrar
Internet
 
Exclusivo assinantes
Fale conosco
Assine já
Anuncie
 

  noni: você já ouviu falar ?
Descubra os reais benefícios desse alimento misterioso, só encontrado em suco e que promete maravilhas à saúde

POR JUREMA APRILE
ILUSTRAÇÃO BUSSADORI

CAPACIDADE ANTIOXIDANTE
Quando o corpo usa o oxigênio pa ra queimar a energia contida nos alimentos, as células passam a produzir inimigos: os radicais livres, moléculas defeituosas que oxidam e produzem estragos nas mitocôndrias, as usinas de força das células.

Essas reações estão relacionadas a câncer, doenças cardiovasculares e en velhecimento.

As chances de neutralizar esses vilões aumentam quando auxiliadas por um alimento que contenha diferentes elementos antioxidantes, como vitaminas e outro. Portanto, para saber o poder de fogo de um alimento na proteção das células, compara-se seu potencial antioxidante com o da vitamina E (considerada o parâmetro científico, pelo alto poder antioxidante deste nutriente).

Desta forma, sabe-se que alguns alimentos são mais carregados de anti-radicais livres que outros. Segundo especialistas, a fruta e o suco de noni são ricos em antioxidantes. Mas ainda não existe um estudo nutricional científico para quantificá-los, ou seja, que compare a sua capacidade antioxidante ao poder da vitamina E (nutriente considerado parâmetro para isso). Confira o que já se comprovou em relação a outros alimentos:
• O morango tem muita vitamina C, que aumenta a resistência do organismo, evita o envelhecimento precoce das células, problemas de pele e do sistema nervoso. Seu antioxidante, a cianidrina, está sendo estudado em pesquisas que o consideram quatro vezes mais poderoso que a vitamina E. • O tomate é rico em licopeno, carotenóide da família do beta-caroteno — um antioxidante natural que ajuda no combate a alguns tipos de câncer. É quase três vezes mais potente que a vitamina E. Os maiores teores de licopeno estão nessa fruta, mas também são encontrados na melancia.

PARA MIM FUNCIONOU
“O preço é salgado, mas equivale ao do medicamento que comprava para o estômago. Eu sofria de refluxo gastro-esofágico e depois de 15 dias tomando o suco o problema começou a diminuir — já o remédio não tinha adiantado. O bem-estar aumentou, a pele melhorou bastante e meu cabelo parou de cair como vinha acontecendo de forma dramática. Já tomo o suco há três meses, de manhã em jejum. Por mim, está aprovado”.
Margarida dos Santos, empresária, 55 anos

NÃO POSSO AFIRMAR QUE FUNCIONA
“Tomei o suco todo dia de manhã, durante um mês. O sabor é suportável, tem gosto de mato, não é uma maravilha, mas não é intragável. Na ocasião, tinha acabado de completar a quimioterapia para tratar um câncer de mama. Não sentia dor muscular ou enjôo, na verdade não passei muito mal com o tratamento. Não posso afirmar que o suco de noni tenha causado melhora no meu estado de saúde. Mas conheço pessoas que estão adorando, sei de casos em que a qualidade de vida melhorou muito. Tomei direitinho, porque vi que tem vários sais minerais, achei que ia ajudar no equilíbrio nutricional. A indicação era tomar junto com a quimio, para minimizar os efeitos colaterais e ajudar o organismo a se recompor, mas eu não quis. Achei que, se a proposta do tratamento médico era jogar meu organismo lá embaixo justamente para ele não ter condições de produzir células malignas, o melhor era não misturar as estações. E deu certo.”
Rita Oliveira, 44 anos, professora

PÁGINAS :: << Anterior | 1 | 2


Faça já sua busca
no site da revista Viva Saúde


Copyright © 2008 - Editora Escala
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.