Viva Saúde
Edição 19 - Novembro/2005
 
Sumário da Edição
Edições Anteriores
Editorial
Sala de Espera
Consultório Médico
Aconteceu Comigo
Raio x
Leveza à Mesa
Atividade física
Saúde Natural
Mundo Infantil
Olho Clínico
Mais Vitalidade
Onde Encontrar
Internet
 
Exclusivo assinantes
Fale conosco
Assine já
Anuncie
 

  A função das camadas da pele

Epiderme: é o invólucro de nosso corpo, encarregada de proteger a pele do meio externo. Ela não tem vasos sanguíneos.

Derme: é nessa camada que estão localizadas as fibras de elastina e colágeno, que respondem, respectivamente, pela elasticidade e firmeza da pele; as glândulas sebáceas e sudoríparas; os vasos de menor calibre e as terminações nervosas que dão a sensação de tato, frio e calor.

Hipoderme: é a camada mais profunda da pele, composta basicamente por células adiposas. Ela protege o organismo contra choques e ainda atua como isolante térmico. Nela estão os vasos de maior calibre.

Loção polêmica
Pesquisadores norte-americanos divulgaram este ano na conferência anual da Sociedade Química Americana uma descoberta que tem causado polêmica: uma loção pós-sol que seria capaz de recuperar as células danificadas pelo sol. O produto, que ainda está em fase de testes clínicos, tem a ajuda da proteína chamada T4 enbdonuclease, capaz de penetrar nos núcleos das células da pele e remover as áreas danificadas do DNA, iniciando um processo de reparação completado pelo corpo.

A loção foi testada em 30 pessoas com uma rara doença genética, xeroderma pigmentosum, que as torna mais suscetíveis ao câncer de pele. E, de acordo com os responsáveis pelo estudo, a aplicação diária da loção conseguiu reduzir em um terço os casos de câncer de pele e em dois terços as lesões pré-cancerígenas em comparação com pessoas que não fizeram uso do produto.

Apesar dos criadores da loção afirmarem que ela não deve substituir os protetores solares, especialistas temem que a nova descoberta (caso seja aprovada para comercialização) possa incentivar as pessoas a passarem mais tempo expostas ao sol.

Você sabia?
O FPS - Fator de Protetor Solar - foi um padrão criado em 1978 nos Estados Unidos. Sua eficácia é regulamentada pela FDA, órgão que regulamenta e fiscaliza a venda de alimentos e remédios naquele país. Na Europa, o sistema que avalia a qualidade dos filtros solares é o COLIPA (European Cosmetic, Toiletry and Perfumery Association), entidade muito parecida com a norte-americana, que permite que os fatores de proteção dos produtos sejam 100% compatíveis.


Faça já sua busca
no site da revista Viva Saúde


Copyright © 2008 - Editora Escala
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.